Resenha: O Lago Negro

Título: O Lago Negro
Autora: Juliana Daglio
Editora: Arwen
Páginas: 356
Ano: 2015



Verônica é uma garota problemática, marcada por um passado do qual não consegue se lembrar, mas que foi o suficiente para tirar sua sanidade. Ao se mudar para o interior, depois de passar no vestibular, ela se depara com o lugar perfeito onde poderá se inspirar para, finalmente, transformar seus personagens imaginários em um livro.
Lagoana é uma cidade nebulosa, úmida, habitada por almas quietas e pouco amigáveis. O clima obscuro não virá somente despertar criatividade, mas também seus fantasmas mais profundos.
O Lago Negro de sua imaginação será, definitivamente, o estopim para toda sua loucura emergir.
O que será que ele esconde no fundo de suas águas escuras?


Quando Verônica Cattani se muda para Lagoana e começa a escrever a história que habita seus sonhos há anos, coisas estranhas começam a acontecer na cidade. Coisas que, estranhamente, ela escreveu em seu livro.

Quando os fatos começam a deixar de ser meras coincidências, ela resolve investigar o que está acontecendo, trazendo à tona memórias esquecidas que são a chave para o dilema.

Com a ajuda de amigos e familiares, ela vai tentar descobrir o que está por trás de toda essa história: será mesmo que é verdade ou tudo não passa de mais um surto de alucinações? Entre as peças desse quebra-cabeça está uma pessoa falecida há algum tempo, o causador de todo esse rebuliço: seu pai, Andréas Cattani.

O Lago Negro é um livro que eu não sei dizer bem qual o gênero, porque para mim é uma mistura de vários gêneros. Tem ação, suspense, muita investigação, um pouco de fantasia mesclada com realidade e vários conceitos sobre a mente humana embasados na psicologia, já que a autora é psicologa.. Então ela sabe exatamente o que fala!

Os personagens são tão reais e ao mesmo tempo tão... incrivelmente fora do normal. Mas eles têm absolutamente todas as características de pessoas reais, vivas, de carne e osso como nós. Nada de aparência de livros. Ou seja, são extremamente bem construídos.

A escrita da Ju, como já devo ter demonstrado, é maravilhosa. Ela te transporta para dentro do livro completamente. Além de descrever todo o ambiente e os personagens com uma precisão incrível, o enredo da história é absolutamente cativante. A cada página você se sente mais preso ao mistério, querendo de alguma forma encaixar todas as peças. E são muitas peças, mas a autora não deixou nenhuma ponta solta no livro.

A capa é esplêndida, maravilhosa! Tá empatada no primeiro lugar com As Faces da Luz.. Haha. Ela tem uma textura meio aveludada, que dá vontade de passar a mão toda hora. Encontrei alguns errinhos de ortografia e outros de digitação, mas nada que atrapalhasse a leitura, que fluiu muito bem.

Por fim, é um livro que eu super recomendo a todos, pois acredito que não exista uma única pessoa que não vá gostar deste livro. Tem que ser muito chato, rabugento e o escambau para não gostar.

P.S.: estamos em fase de estreia de Fallen nos cinemas e muitas pessoas têm dito que O Lago Negro é uma cópia de Fallen ou até mesmo o Fallen brasileiro; tudo isso porque as capas de O Lago Negro e de Submersão têm uma moça de costas com um vestido preto. Acredito que pela resenha deu pra perceber que as séries não tem absolutamente nada em comum; nem as capas eu acho parecidas, acho as de O Lago Negro muito mais bonitas. Não li Fallen, mas li e recomendo O Lago Negro!

Beijos da Nath!

NOTA 5

18 comentários:

  1. Oi Nath,

    Adorei sua resenha. Já tenho O Lago Negro há algum tempo, porém, ainda não li. Será a primeira leitura de 2017.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tati! Obrigada! Leia mesmo, é maravilhoso! <3

      Excluir
  2. Nath, sua maravilhosa! Pensa em alguém que ganhou o dia com essa resenha: eu!
    Obrigada pelo carinho, pelo apoio e por ter lido e dado uma oportunidade à loucura do bem da V.
    Vou guardar essas palavras a sete chaves do coração. <3

    Beijuuuuuus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ju, eu que agradeço por vc ter escrito uma obra tão maravilhosa!

      Excluir
  3. Oi, Nath ^^
    Acho linda demais essa capa e não vejo porque a galera cai em cima de capas parecidas quando sabemos que as mesmas são de sites especializados em imagens para vender comercialmente, se fosse a mesma a foto mas mudado o contraste ai sim é justificável o fuzuê de cópia. Mas acredito que a comparação se deve ao fato de Lagoana ser toda dark e envolta em mistérios e isso é o que também rege o pano de fundo dos locais citados em Fallen.
    Lendo sua resenha fiquei bastante agoniado em querer saber o significado desses sonhos que a Verônica tem pois os mesmos me parecem premonições ao invés de simples sonhos, não acredito em coincidências num livro de ficção.
    Fico feliz em saber que a autora usou de sua propriedade intelectual para tornar o texto atrativo.
    Gostei da resenha mesmo ela sendo curta demais. ^^
    Que venha resenha dos outros livros!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruno! Acho que a comparação foi somente pela capa mesmo e, como tem muita gente preconceituosa com a literatura nacional, acabam falando essas coisas sem nem saber de nada.. haha
      A autora é incrível em sua escrita e é ótimo poder ler algo escrito por alguém que realmente entende do assunto.
      Recomendo que vc leia.
      Beijos!

      Excluir
  4. Olá, por todas as resenhas que já vi sobre esse livro, tenho muita vontade de ler ele pois me parece uma ótima história também bem escrita.
    Ps.: acho as capas dessa série muito mais bonitas que as de Fallen.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii.. Quando vc ler vai se perguntar: por que não li antes?
      O livro é maravilhoso por dentro e por fora.

      Excluir
  5. Eu não conheço "Fallen" e foi a primeira coisa que me lembrei quando olhei a capa do livro hahah mas não costumo me prender a essas coisas e sua resenha mostrou que é um livro bem interessante e encantador. Acho legal quando o protagonista tem que lidar com seus próprios demônios. Amo mistérios então acho que vou curtir essa leitura! <3
    Ótima resenha! <3

    http://cronicasdeeloise.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, eu não achei as capas parecidas, mas tem que ache.. Haha
      Sobre a história, como eu disse, eu não li Fallen, mas sei que não tem nada a ver.
      Não consigo pensar em alguém que não vá gostar de O Lago Negro.

      Excluir
  6. Olá, tudo bem??
    Eu adorei a leitura desse livro e estava mega ansiosa desde que o adquiri... já estou com o segundo livro e será uma de minhas primeiras leituras do ano que vem... sua resenha ficou ótima... mostrou que a leitura te prendeu... assim como aconteceu comigo. Sobre a semelhança com Fallen, juro que nunca havia parado para pensar... como eu li todos os livros da série, posso dizer com propriedade que não tem nada haver as histórias... a capa lembra, mas são totalmente diferentes... Xero!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diana! Estou louca para ler Submersão também. A leitura de O Lago Negro foi maravilhosa e espero que Submersão seja tão bom quanto. :D

      Excluir
  7. Eu estou super ansiosa para ler algo da Ju <33
    Falam super bem dela haha

    http://voceetaolivro.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nossa! Essa autora deve ter MUITO talento por escrever tantos estilos num livro só... Gostei de saber sobre o lago negro, ainda não tinha ouvido falar..
    bjss
    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Isa!
      Talento é o que não falta para a Ju! Nunca vi ninguém que falasse mal de qualquer um dos livros dela, muito pelo contrário! As pessoas despejam elogios e com razão. Haha
      Leia e tire suas próprias conclusões. Tenho certeza de que vai concordar com todos!
      Bjs

      Excluir
  9. Oi Nath, sua linda, tudo bem?
    Eu sou fascinada pela natureza humana, e pelo visto a autora trabalha muito bem o perfil dos personagens e brinca com o real e a fantasia. Só por esse detalhe ela já me conquistou. Estou morta de curiosidade para saber se os acontecimentos são reais e como a autora irá relacioná-los com o pai dela, já que ele está morto. Adoro uma boa investigação!!! Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  10. Olá, li essa obra agora em 2016 e gostei muito da escrita da Juliana, estou louca para conferir a sequência.

    Abraços

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário, ele é muito importante para nós!

 
CuraLeitura . 2017 | Layout feito por Adália Sá e modificado por Thaiane Barbosa