Resenha: O Conde Enfeitiçado

Título: O Conde Enfeitiçado
Série: Os Bridgertons #6
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Ano: 2015


Livro recebido em parceria com a Editora Arqueiro.







Sinopse: Toda vida tem um divisor de águas, um momento súbito, empolgante e extraordinário que muda a pessoa para sempre. Para Michael Stirling, esse instante ocorreu na primeira vez em que pôs os olhos em Francesca Bridgerton.
Depois de anos colecionando conquistas amorosas sem nunca entregar seu coração, o libertino mais famoso de Londres enfim se apaixonou. Infelizmente, conheceu a mulher de seus sonhos no jantar de ensaio do casamento dela. Em 36 horas, Francesca se tornaria esposa do primo dele.
Mas isso foi no passado. Quatro anos depois, Francesca está livre, embora só pense em Michael como amigo e confidente. E ele não ousa falar com ela sobre seus sentimentos – a culpa por amar a viúva de John, praticamente um irmão para ele, não permite.
Em um encontro inesperado, porém, Francesca começa a ver Michael de outro modo. Quando ela cai nos braços dele, a paixão e o desejo provam ser mais fortes do que a culpa. Agora o ex-devasso precisa convencê-la de que nenhum homem além dele a fará mais feliz.
No sexto livro da série Os Bridgertons, Julia Quinn mostra, em sua já consagrada escrita cheia de delicadezas, que a vida sempre nos reserva um final feliz. Basta que estejamos atentos para enxergá-lo.


Série "Os Bridgertons"

1- O Duque e Eu (Daphne como protagonista) | Resenha
2- O Visconde que me amava (Anthony como protagonista) Resenha
3- Um Perfeito Cavalheiro (Benedict como protagonista) Resenha
4- Os Segredos de Colin Bridgerton (Colin como protagonista) Resenha
5- Para Sir Phillip, Com Amor (Eloise como protagonista) Resenha
6- O Conde Enfeitiçado (Francesca como protagonista)
7- Um Beijo Inesquecível (Hyacinth como protagonista)*
8- A Caminho do Altar (Gregory como protagonista) *

* Títulos provisórios

O Conde Enfeitiçado é o sexto livro da série Os Bridgertons, escrito pela Julia Quinn e publicado no Brasil pela editora Arqueiro. O livro foi gentilmente cedido em parceria com a editora.


Em O Conde Enfeitiçado vamos conhecer a história de amor de Francesca. 
Casada a dois anos com o conde John Kilmartin, Francesca vive uma vida feliz e plena ao lado de seu marido e de seu amigo Michael, primo de John. 

Michael Stirling viu sua vida mudar completamente na primeira vez em que viu Francesca. Depois de anos vivendo uma vida de libertino, ele finalmente encontrou uma mulher por quem se apaixonou, mas infelizmente essa mulher se trata da esposa de seu primo John. 

"Jamais escaparia daquela mulher. E jamais poderia tê-la"

Sem ter o que fazer, Michael reprime o seu amor por Francesca e se contenta em ser apenas o seu amigo, porém quando tudo parecia tranquilo, seu primo John morre subitamente, deixando todo o condado para Michael, pois o mesmo não teve filhos.
Com a morte John, Michael se sente péssimo, pois era muito ligado ao primo. Tratavam-se como se fossem irmãos; Francesca que também se encontra abalada tenta se apoiar em Michael, mas o mesmo não sabe lidar com isso e não aguenta a pressão de ter que cuidar de tudo o que recebeu por causa da morte do primo e simplesmente foge para a Índia.

"Desejara Francesca. Apenas isso. Mas não dessa forma. Não àquele preço. Jamais invejara a boa sorte de John. Jamais invejara o título, o dinheiro ou o poder dele. Invejara apenas a sua mulher."

Após 4 anos do ocorrido, Michael decide que é hora de voltar para casa e cuidar dos negócios que tem por lá que está nas mãos da Francesca. Assim que chega, Michael se encontra com Francesca e percebe que mesmo depois de anos continua apaixonado por ela, mas agora é diferente. A única coisa que o impede de cortejá-la é a sua consciência que insiste em dizer que isso é um erro. 

"Era algo na forma como ela se movia.
Algo na maneira de respirar.
Algo na sua forma de existir. 
Ele achava que jamais superaria aquilo."

Do mesmo modo, Francesca percebe que nada mais será como antes. Encontrou o verdadeiro amor ao lado de seu marido John, mas o perdeu muito cedo, e agora ela acredita que jamais irá amar alguém como o amou. 

Quando ela percebe que começa a nutrir sentimentos por seu amigo Michael, sua consciência pesa e ela se sente muito culpada e tenta de todas as formas se afastar e esquecer esses sentimentos.

"Em algum lugar, nos recantos mais nebulosos de sua mente, Francesca sabia que aquilo era errado, que era mais do que errado: era insano. Mas não conseguiria ter se movido nem se as labaredas do inferno estivessem lambendo os seus pés."



Fazer resenha dos livros da Julia Quinn para mim é um presente, eu simplesmente não consigo não amar essa série. Mais uma vez fiquei bastante satisfeita com a história que li dos irmãos Bridgertons, desta vez a história de Francesca.

Essa história de amor é uma das mais bonitas que já li, pois fala de um amor duradouro, que ficou guardado por 6 anos para que um dia florescesse. Apesar de ser um clichê, a forma como cada personagem fez seu caminho foi o que deixou a história mais deliciosa de ser lida. No livro, você com certeza vai sofrer, ficar triste, sorrir, torcer para que tudo dê certo e se apaixonar junto com os personagens por um final feliz.

Confesso que não acreditei no potencial dessa história em um primeiro momento, pois achei que a história seria fraca como a do volume anterior, porém bastaram duas páginas para eu entrar de cabeça no enredo e só soltar o livro quando terminasse a história. 

Enfim, adorei o livro, diagramação perfeita, capítulos curtos, narrativa feita em terceira pessoa tanto por Michael quanto por Francesca e a capa é linda.
Depois dessa leitura estou ansiosa para ler o próximo livro, preciso urgente saber o final dessa história ao mesmo tempo que não quero que ela acabe nunca.


Até a próxima resenha!
Beijúh da Rêh

NOTA: 5

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário, ele é muito importante para nós!

 
CuraLeitura . 2017 | Layout feito por Adália Sá e modificado por Thaiane Barbosa