História de Halloween



- Não foi para isso que eu me alistei - disse o Cabo Peters, chacoalhando o pé e tentando tirar da bota algo que parecia merda.
- Você faz o que te mandam fazer, cabo - replicou o Sargento Johannsen. - Agora cale a boca e dê uma olhada naquele túnel. - Ele apontou o fuzil de assalto para uma abertura do tamanho de um homem. - Leve o Kopacek com você.
Peters fez uma careta e passou os olhos pelo túnel. Tinha exatamente a mesma aparência do resto do sistema de esgoto no qual os soldados se encontravam, construído sabia-se lá havia quanto tempo, revestido por anos e anos de imundice.

Kopacek cutocou o ombro de Peters.
- A gente 'tá esperando o quê?
- 'Tá com pressa, é? - Peters perguntou. - Não 'tou nem aí pro que os caras disseram. Não tem jeito de um terrorista viver aqui embaixo. Ninguém é louco a esse ponto.
- Ordens são ordens - disse Kopacek.
- Mas por que mandar a gente? Isso é coisa para polícia.
- Dizem que o cara matou alguém da equipe do governador. Quer dizer que é trabalho pra gente, acho. Se você ferrar com alguém do alto escalão, é claro que vão mandar os cachorros grandes atrás de você.
Peters suspirou.
- 'Tá legal. Droga, vamos acabar logo com isso.
O túnel fazia uma curva e seguia por mais algumas centenas de metros até se abrir num entroncamento onde três outros túneis despejavam rios de imundície num grande escoadouro.
Kopacek apontou a lanterna em todas as direções. O coração de Peters foi parar na garganta quando ele pensou ter visto a sombra de um homem junto à parede. Foi só por um segundo, depois sumiu.
- Acende de novo a lanterna - Peters disse, erguendo a arma.
- O que foi? 'Cê viu alguma coisa?
Peters se esforçou, mas não viu nada.
-Acho que não.
Kopacek ficou quieto e, distraído, manteve o facho imóvel. Sob a luz indireta, Peters viu torvelinhos aparecem e desaparecem regularmente na água, desenhando uma linha reta que seguia na direção dele.
- Esquisito - Peters disse meio que consigo mesmo.
- O quê?
- Sei lá. Parecem... passos.

Pág. 107, O Mundo das Trevas - livros de regras do sistema storytelling

1 comentários:

  1. Heey!
    Adorei a história, vou até procurar saber mais sobre o livro haha
    Abraços!
    Blog - Desbravando o Infinito

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário, ele é muito importante para nós!

 
CuraLeitura . 2017 | Layout feito por Adália Sá e modificado por Thaiane Barbosa