Resenha: Honra e Justiça

Título: Honra e Justiça
Autora: Suzana Chaves
Editora: Amazon
Páginas: 184
Ano: 2019

Oi, pessoal! Do dia 01 ao dia 15 desse mês eu participei da leitura coletiva do livro Honra e Justiça, da querida Suzana Chaves (Suzy, para os íntimos).

O livro narra a história de duas mulheres: Beatriz, uma jovem advogada de Belém, no Pará; e Melinda, uma dona de casa, mãe e esposa, no Canadá.

Essas duas mulheres tão distintas e tão distantes, terão suas vidas cruzadas em algum momento. Mas antes vou falar um pouco sobre elas.

Beatriz Castro é batalhadora, corre atrás do que quer e tem se mostrado uma excelente advogada, mesmo com pouca experiência. Seu sonho é trabalhar no grande escritório multinacional Smith&Jonhson Associates e quando eles abrem seleção ela começa a estudar ainda mais pra conseguir a vaga. E ela consegue.

Começa como advogada assistente e vai crescendo, até se tornar advogada principal e pegar casos sozinha. Mas a Bia é ambiciosa, e quando a empresa abre vaga de intercâmbio para o Canadá, sede da S&J, ela se inscreve e também é aprovada.

Agora ela crescerá profissionalmente em outro país, terá que aprender as leis de lá, a lidar com a cultura e o clima diferentes, entre outras mudanças.

Já Melinda tinha um casamento perfeito, um marido dedicado à família e uma excelente condição financeira. Mas tudo desmorona quando Sammuel começa a mudar (ou talvez mostrar sua verdadeira face) e se tornar um homem abusivo, violento, infiel..

E é assim que as vidas de Melinda e Beatriz se cruzam, quando Melinda vai atrás dos serviços da advogada para pedir o divórcio do marido.

Bia terá em suas mãos o caso mais difícil da vida, e Sammuel, por ser um homem muito influente, fará de tudo para prejudica-la e à esposa.

Resenha: As Ações Do Tempo

Título: As Ações do Tempo
Autor: Èrico J. Santos
Editora: Talentos da Literatura Brasileira
Páginas: 168
Ano: 2018



Livro recebido em parceria com o autor







Sinopse:
Tudo em nossas vidas acontece muito rápido, tudo no nosso dia a dia acontece em tempo real. Se não percebemos o tempo que já passou, se não tivermos o entendimento do tempo que já chegou, se não entendermos o tempo que ainda vai passar, não conseguiremos viver as emoções positivas e o tempo do agora. Sabemos que não é possível viver todo o tempo sentindo apenas as emoções positivas, sabemos que não é possível amar tudo o tempo todo.
Se não entendermos o tempo do futuro, o quão rápido o tempo passa, a velocidade em que ele anda, as emoções que ele nos faz sentir, as emoções que ele nos faz viver de verdade, o que esse tempo deixa em nossas vidas, marcaremos para sempre a nossa alma de emoções negativas, pois as emoções que nos importam, que nos enriquecem, que nos fazem sentir, que nos fazem entender, não importando onde estejamos, sempre nos transformando em seres humanos felizes, são as emoções positivas que construímos ao longo da vida.

Resenha: Treze

Título: Treze
Autora: FML Pepper
Editora: Verus
Páginas: 406
Ano: 2017

Oi, gente! Hoje eu vim falar do livro Treze, da FML Pepper. Eu lembro que quando li a trilogia Não Pare! eu simplesmente devorei os três livros, um atrás do outro. Mas quando a Verus anunciou o lançamento de Treze, na época, por algum motivo, eu não me interessei. Não faço ideia do porquê.

Recentemente eu li uma resenha do livro que me deixou com vontade de ler; infelizmente não lembro o nome do Instagram em que li a resenha.

Como eu assinei o Kindle Unlimited e Treze está disponível lá, eu resolvi finalmente embarcar nessa leitura. E a primeira coisa que eu pensei quando terminei de ler foi: por que não li antes?

O livro narra a história de Receba, uma hacker que não acredita em Deus, sorte, azar, amor, só acredita nos números e nas estatísticas, e Karl, um jovem lutador com um futuro brilhante pela frente.

Mas a vida dá uma rasteira nos dois. A Rebeca, que planejava dar um golpe com sua mãe até recebe um alerta na noite anterior ao crime, de uma misteriosa cartomante chamada Madame Nadeje, que faz inúmeras previsões sobre a vida de Rebeca. Como a moça é incrédula, simplesmente não dá ouvidos à "velha trambiqueira". Com o passar do tempo, Rebeca vê cada uma das previsões de Madame Nadeje se concretizarem.

Já Karl, após sua mais importante luta e vitória, descobre que foi traído e trocado pela sua namorada; inconsolado, o jovem lutador se torna imprudente em sua moto e se envolve num acidente... Karl agora tem um coágulo no cérebro que a qualquer momento pode estourar e matá-lo.

Os dois personagens acabam por se encontrar em determinado tempo de suas vidas e surge entre eles um sentimento forte.

Mas Rebeca deixa sua vida ser controlada por uma profecia que diz que o amor da sua vida será seu décimo terceiro namorado e Karl não se envolve seriamente com ninguém, pois não pode prometer um futuro e nem se decepcionar novamente.

Quais são as probabilidades deles ficarem juntos? Principalmente quando tudo conspira contra?

Resenha: Torre do Alvorecer

Título: Torre do Alvorecer
Série: Trono de Vidro #5.5
Autora: Sarah J. Maas
Editora: Galera Record
Páginas: 642
Ano: 2018


Oi, pessoal! Eu vivo falando o quanto eu adoro a Sarah e sou simplesmente apaixonada por tudo o que ela escreve. Trono de Vidro e Corte de Espinhos e Rosas estão no topo das minhas séries preferidas.

É verdade que Torre do Alvorecer foi lançado já há algum tempo, mas eu acabei enrolando um pouco pra começar a leitura. E quando comecei não tive como ler rapidamente porque ele é um tijolão e definitivamente não tinha como levar pra o trabalho, o que me sobrava muito pouco tempo para lê-lo. Sem contar o mais importante: eu não queria perder nenhum detalhe da história.

Os eventos em Torre do Alvorecer acontecem simultaneamente aos eventos de Império de Tempestades, quinto livro da série, mas aqui não temos Aelin e sua corte. O livro se passa em Antica, o continente sul, e narra a estadia de Chaol e Nesryn no império. Lá eles tentarão conquistar o Grande Kaghan (espécie de imperador) para a causa e buscarão uma cura para Chaol, que no final de Rainha das Sombras sofreu um ferimento e perdeu os movimentos das pernas.

Para quem leu A Lâmina da Assassina, teremos Yrene Towers de volta, com um papel fundamental. Ela de fato viajou até a Torre Cesme após conhecer Celaena, e se tornou a melhor curandeira do local, abaixo apenas da Alta Curandeira.

Novos e importantes personagens são inseridos e muitas informações cruciais serão descobertas, que podem mudar totalmente o rumo da guerra. Além do mais, os sentimentos de todos estarão à flor da pele e paixões virão à tona.

Resenha: O Príncipe dos Vampiros

Título: O Príncipe dos Vampiros
Autoras: Clara de Assis e Aline Sant'Ana
Editora: Charme
Páginas: 304
Ano: 2018


Oi, pessoal! Tudo bem com vocês?

Hoje venho falar do livro O Príncipe dos Vampiros, das autoras Clara de Assis e Aline Sant'Ana. Faz muito, muito tempo que eu li algum livro sobre vampiros e quando vi uma resenha super positiva deste livro no blog Livros & Tal não resisti e corri pra Amazon (até o momento ele tem apenas a versão digital, mas está disponível no Kindle Unlimited).

O livro narra a trajetória de Mia Black, uma guerreira, e Orion Bloodmoor, príncipe do Clã RedGold, da ilha de Alkmene. Ambos são vampiros com aproximadamente 600 anos e se conheceram na infância, mas seus caminhos foram separados pelas circunstâncias do destino.

Agora, séculos depois de se conhecerem, com uma iminente ascensão de Orion ao trono, Mia retorna à ilha com o objetivo de preparar Orion para assumir o reinado e proteger seu povo. Mas Orion encontra-se em seu Ta'avanut, o período fértil vampírico, e resistir à Mia será muito difícil, principalmente quando descobre que ela é sua Ma'ahev, sua alma gêmea.

Além dos sentimentos conflituosos e o treinamento de Orion para ser rei, eles precisarão lidar ainda com um grande esquema de traição e impedir que uma catástrofe aconteça.

O Príncipe dos Vampiros é um livro extremamente sensual, bem característico dessa raça noturna, o que torna a leitura bastante agradável, pois tem o erotismo na medida certa.

Além do romance, temos também muita ação e mistérios e a presença de outros seres, como os Shifters, seres capazes de se metamorfosear em algum animal, e também de humanos que na ilha de Alkmene convivem tranquilamente com os vampiros.

Resenha: O Garoto que eu Abandonei

Título: O Garoto que eu Abandonei
Série: Trilogia Encantados #3
Autora: Raiza Varella
Páginas: 450
Ano: 2016


Oi, gente! Hoje eu trouxe a resenha do último livro da Trilogia Encantados, da Raiza Varella, e já adianto que a série foi encerrada com chave de ouro.

Como eu disse na resenha de O Garoto que Tinha Asas, eu estava ansiosa pela leitura deste livro, pois ele ia contar a história do Gustavo, irmão do meio da Bárbara e do Augusto.

Em O Garoto que eu Abandonei, conhecemos a Marcela, uma detetive de maridos infiéis, que não tem família, nem amigos, nem nada. Seu único objetivo é conseguir guardar uma boa quantia pra uma missão secreta - e muito especial.

Já o Gustavo está noivo da Camila, que já se provou uma mulher sem caráter e maldosa, muito maldosa.

Bárbara está disposta a fazer tudo pra impedir esse casamento e com a ajuda de Anna ela vai atrás dos serviços de Marcela, pra que ela descubra algum podre da Camila.

A Babi, que não é boba nem nada, sabe que a Marcela e seu irmão tiveram uma história no passado, e que ele saiu muito, muito machucado.

Indo contra o conselho do marido e do irmão de não envolver a Marcela na história, Bárbara continua seu plano mesmo assim, na expectativa de que, caso Camila não deva nada, uma aproximação entre Marcela e Gustavo possa trazer de volta os sentimentos do passado.

O que ela não sabe é que a história toda é um balaio de gato. Há quase dez anos Marcela fugiu sem dar satisfações, deixando seu melhor amigo Gustavo pra trás e pouco tempo depois se casando com outro cara.

Um acidente de carro lhe tirou tudo: os pais, o marido e o filho, um bebê de aproximadamente dois anos. Naquele momento a Marcela também morreu, restando só uma casca.

E o Gustavo, como um perfeito príncipe, faz de tudo pra ajudar a Marcela assim que põe seus olhos novamente sobre ela. O sentimento dos dois definitivamente não morreu.

Mas muitas intrigas, sujeirada por parte da Camila, e algumas mentiras e acontecimentos do passado impedirão que os dois finalmente vivam esse amor.

Resenha: O Garoto que Tinha Asas

Título: O Garoto que Tinha Asas
Série: Trilogia Encantados #2
Autora: Raiza Varella
Editora: Pandorga
Páginas: 510
Ano: 2016

Oi, pessoal! Estou de volta com a resenha de O Garoto que Tinha Asas, segundo volume da Trilogia Encantados.

O Garoto que Tinha Asas narra a história de Augusto, mais conhecido como Monstro, irmão mais velho da Bárbara (de O Garoto dos Olhos Azuis), e da Anna, a garota sem nome.

Anna vive fugindo de alguém e tem regras pra sobreviver. Quando seu último esconderijo é descoberto ela tem que por o pé na estrada novamente e, em meio a uma perseguição, seu inimigo provoca um acidente, que poderá custar a vida de Anna.

Augusto, que vinha logo atrás e assistiu tudo, presta socorro para a garota e chama uma ambulância. Mas ela, em um momento de desespero, lhe faz um pedido inusitado: cuide da minha vida, e não envolva a polícia. No calor do momento ele acaba lhe prometendo, mas se arrepende logo depois quando descobre que a "vida" dela é um garotinho assustado sentado no banco de trás do carro.

Agora, movido pela promessa, ele terá que cuidar do pirralho e ainda fazer de tudo pra que a garota sobreviva ao acidente e o tire dessa enrascada, porque a história toda não cheira nada bem.

Resenha: O Garoto dos Olhos Azuis

Título: O Garoto dos Olhos Azuis
Série: Trilogia Encantados #1
Autora: Raiza Varella
Editora: Pandorga
Páginas: 376
Ano: 2016

Oi, pessoal! Quem tem acompanhado o blog deve ter visto que eu li as duas versões de Caçadora de Estrelas, da Raiza Varella, de forma consecutiva. Sendo assim, resolvi ler outros livros da autora, que por sinal estavam na minha lista de desejados há bastante tempo.

O Garoto dos Olhos Azuis narra a história da Bárbara, que após ser largada no altar pelo noivo e trocada pela melhor amiga, resolve voltar pra sua cidade natal e vai morar com os dois irmãos e os dois amigos deles.

Os irmãos da Babi, Augusto e Gustavo, são superprotetores e ciumentos. Os dois, juntamente com seus amigos e companheiros de apê, Bernardo e Ian, são bem mulherengos também. O Augusto e o Ian são médicos, o Gustavo é engenheiro e o Bernardo é delegado. A Babi é advogata.

A Bárbara tá numa fossa tão grande que o Ian, condoído, pede ajuda da irmã dele, a Vivian, pra ajudar a Babi. Assim nasce uma amizade muito linda entre as duas.

O Ian é super mal humorado e tá sempre gritando com a Bárbara, principalmente quando ela come seu sorvete de café. Mas aos poucos os laços entre eles vão se estreitando e um sentimento muito forte surge.

Mas será que o amor deles será capaz de suportar a maior das provações quando a Bárbara descobre que está grávida do ex?
 
CuraLeitura . 2017 | Layout feito por Adália Sá e modificado por Thaiane Barbosa